Quem são?

Muitos acreditam que os sobrevivencialistas são super homens ou mulheres que foram forjados no inferno e jogados na terra com poderes para sobreviver a tudo. Um grupo de cidadãos de elite formado por ex-militares, pessoas que nasceram e cresceram em áreas inóspitas, superatletas, milionários excêntricos e outros acima da média.

Mentira! Sobrevivencialistas tem grandes famílias, fazem compra no mercado, vão ao cinema, levam os filhos na escola, trabalham e interagem com centenas de pessoas todos os dias. É o cidadão que independente da sua condição tem a preocupação com a segurança da sua família.

São homens e mulheres, pais e mães que buscam proteger seus filhos e mantém seu modo de vida enxergando a realidade do sistema atual. Por mais que paguem seguro, impostos, convênios médicos, instalem alarmes e cercas o sobrevivencialista padrão sabe que não terá uma ambulância de plantão na porta de sua casa, nem os bombeiros, nem a polícia, nem alguém com o dinheiro que ele precisará ali no fim do mês, ao contrário em situações de crise extrema ele tem plena convicção que estes serviços demorem muito, ou que só venham quando o socorro for tarde demais.

A grande maioria de sobrevivencialistas é formada por pessoas comuns como eu e você.

*Texto elaborado por Márcio R. Andrade, o ‘Batata’, após anos de pesquisa e vivência prática sobre o tema. Publicado inicialmente no site “www.guiadosobrevivente.com.br “ em 09/06/2015 .Sua reprodução é livre, desde que respeitada à autoria da fonte.

Cadastre-se

E receba nossas notícias:
Tudo o que precisa saber para ganhar $$ no Youtbe
Clique para apoiar